como organizar as finanças pessoais

Guia de finanças pessoais para acompanhantes

Trabalhar como acompanhante significa que pode haver altos e baixos em suas finanças pessoais.

Alguns meses podem ter um volume grande de clientes e receitas, enquanto outros períodos podem ser mais quietos (por exemplo, durante a pandemia de COVID-19).

Mas nunca é tarde se a situação está difícil. Você pode cuidar da sua situação financeira adotando algumas técnicas bastante simples e básicas para aplicar no seu dia a dia.

Continue lendo para descobrir como organizar suas finanças pessoais.

Descubra sua renda e despesas mensais

O primeiro passo para assumir o controle de suas finanças é saber, em média, sua renda mensal. Isso pode envolver seu salário, cachê como acompanhante e quaisquer lucros de negócios paralelos.

Depois de calcular seus ganhos, é preciso calcular suas despesas mensais. Isso deve incluir tudo em que você gasta dinheiro, desde as contas de sua casa até o custo de vida (por exemplo, comida, roupas, plano de saúde, etc.), bem como custos relacionados ao trabalho, como um ensaio fotográfico para o seu anúncio ou site.

Nota: Você pode calcular suas entradas e saídas olhando os extratos bancários dos três a seis meses anteriores.

Entendemos que suas despesas podem variar com o tempo. No entanto, é importante fazer uma estimativa aproximada, pois isso o ajudará a entender em que você está gastando seu dinheiro e como pode evitar dificuldades financeiras.

aplicativos finanças pessoais

Faça um orçamento

O orçamento ajudará você a manter o controle de suas finanças. O objetivo é garantir que suas despesas não ultrapassem sua receita. Em outras palavras, sua renda deve cobrir todas as suas despesas.

Depois de calcular suas despesas mensais, você pode ver para onde está indo a maior parte do seu dinheiro e se pode cortar em algumas áreas.

Por exemplo, você ainda está pagando por uma academia que dificilmente usa? Ou você está gastando muito dinheiro com cosméticos ou roupas? Talvez seja melhor você encontrar alternativas mais baratas, como fazer compras em lojas mais baratas, por exemplo.

Quais são os benefícios do orçamento?

O orçamento dá a você controle de suas finanças. Além disso, ajuda você a priorizar os pagamentos essenciais (por exemplo, contas, alimentos, etc.)

  • Você tem menos probabilidade de adquirir com dívidas
  • Você tem menos probabilidade de acumular custos inesperados
  • Pode ajudar a destacar gastos não essenciais e encontrar áreas onde você pode economizar dinheiro
  • Você pode se encontrar em uma posição melhor para despesas mais caras, como viagens, carro novo, etc.

Embora isso possa ser difícil, é importante priorizar suas necessidades sobre seus desejos – pelo menos até aumentar sua renda para dar mais espaço ao que você deseja.

Planejamento financeiro

A falta de planejamento financeiro pode trazer sérios problemas para a vida das pessoas, pois ele é um guia para ajudá-lo no que você pode economizar e gastar por mês.

Em seu planejamento financeiro, você incluirá todas as informações financeiras de sua vida: rendimentos (fixos e variáveis), dívidas, empréstimos e todas as despesas mencionadas acima.

Com todas essas informações em um papel ou planilha online (há vários aplicativos de finanças pessoais), você terá uma imagem mais clara de sua situação financeira atual, se está gastando mais do que ganha, se pode cortar despesas desnecessárias e como pode economizar dinheiro.

Se você quiser dicas de app de finanças pessoais, veja agora nossa lista de sugestões de aplicativos para acompanhantes.

Economize parte de sua renda

Independentemente de quanto você ganha por mês, é importante definir uma quantia de dinheiro mensal para você economizar.

Se você ainda não começou a fazer isso, a dica é começar conscientemente o mais rápido possível. Todo valor é válido nesse momento, pois o importante é introduzir o hábito.

Com o tempo você começará a aumentar o valor que economiza, seja porque sua renda aumentou ou porque você conseguiu cortar despesas desnecessárias com as dicas mencionadas acima.

A melhor maneira de gerenciar suas economias é estabelecendo metas. Por exemplo, você pode ter planos de aposentadoria, portanto, nesse caso, será uma economia de longo prazo.

Caso queira comprar uma bolsa ou algum outro acessório mais caro, esse é um objetivo de curto prazo.

como organizar as finanças pessoais

Corte despesas desnecessárias

Esta é talvez uma das partes mais difíceis de uma gestão financeira bem-sucedida.

Em muitas ocasiões não é fácil evitar compras desnecessárias, pois na hora da decisão a clareza de que você realmente precisa do que está comprando pode não aparecer facilmente.

Mas muitas vezes compramos por impulso, movidos por uma publicidade bem executada, ou mesmo porque há um bom desconto aplicado. No entanto, tente sempre se perguntar de antemão se você realmente precisa dessa compra.

Se você puder evitar ou adiar a decisão, será melhor para você e para o seu bolso.

Evite dívidas e pagamentos parcelados

Se precisar comprar algo, planeje com antecedência para evitar parcelamentos. É melhor você economizar com antecedência e comprar à vista do que ficar parcelado no cartão de crédito, por exemplo.

Essas e outras dívidas podem atrapalhar no planejamento das suas finanças pessoais e se tornar uma dor de cabeça se você não conseguir pagar em dia.

Tome muito cuidado com os empréstimos também. Use-os apenas como último recurso e tenha certeza de que será capaz de pagá-los. Os juros nesse tipo de negócio costumam ser altos e podem atrapalhar sua vida financeira por muito tempo.

Evite compras parceladas

Tenha uma poupança de emergência

Quando você começar a economizar dinheiro, não se esqueça de ter um fundo de emergência.

Depois de definir quanto dinheiro você pode economizar por mês, tente dividi-lo em duas partes: sua economia para uma emergência e para seus objetivos (viagens, coisas que deseja comprar etc.).

Essa poupança de emergência, como o nome já diz, deverá ser usada apenas em emergências. Por exemplo, uma hospitalização inesperada.

Aumente sua renda

Como profissional do sexo, há algumas maneiras de tentar aumentar sua renda para achar uma melhor estabilidade financeira. 

Dessa forma, você pode ter um orçamento mais amplo para áreas específicas de sua vida. Abaixo estão algumas maneiras de ganhar mais dinheiro como profissional do sexo:

  • Você pode vender objetos de fetiche online
  • Se você anuncia no Vivalocal, pode cobrar dinheiro extra por serviços adicionais que oferece para gerar mais lucro além das taxas padrão
  • Você pode colocar investir um pouco a mais para dar destaque ao seu anúncio. Isso pode tornar seu anúncio mais visível, potencialmente atraindo mais clientes e renda como resultado

Conclusão

O fundamental a lembrar é ter sempre conhecimento total sobre suas receitas e todas as suas despesas, acompanhando tudo em um documento ou usando um aplicativo relevante para gerenciar melhor seu dinheiro e planejar sua vida financeira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts

Begin typing your search term above and press enter to search. Press ESC to cancel.

Back To Top