Um panorama do sexo por telefone no Brasil

Sexo por telefone: os hábitos de conversas eróticas no Brasil

A situação de distanciamento social tem representado uma grande mudança de hábitos para interação entre parceiros ou casais que não moram juntos. Com as medidas de isolamento, as pessoas enfrentam um novo desafio: não se deixar frustrar sexualmente.

Entre o final de março e abril, muitos estados e cidades iniciaram as medidas de isolamento social, reduzindo consideravelmente o volume de encontros pessoais.

A redução do contato físico significa na prática que pessoas em relacionamentos ou parceiro sexuais têm recorrido mais frequentemente aos recursos digitais para manter a intimidade e satisfazer de alguma forma suas necessidades sexuais.

Não é surpresa, portanto, que uma pesquisa realizada pelo Vivalocal tenha constatado que os números de buscas por sexo ao telefone – uma alternativa ao encontro físico ou sexo corpo a corpo – com o uso de aplicativos como WhatsApp apresentou aumento considerável em várias cidades brasileiras.

O que os números revelam sobre os hábitos sexuais à distância do brasileiro?

Utilizando Google Ads, os dados mostram que que o volume de buscas por  “sexo por telefone” e “WhatsApp sexo” no Brasil em fevereiro e março (meses antes das medidas de isolamento) foi de 22.800, enquanto em abril e março esse número saltou para 31.200. Isso mostra que no período de maior distanciamento as buscas cresceram +36%, número bastante representativo e que mostra como o comportamento sexual foi transformado durante o período.

Buscas de sexo por telefone por cidade

Onde a busca por Sexo por Telefone ou WhatsApp Sexo cresceu?

Por ser a maior e mais populosa cidade do país, não é surpresa que São Paulo é a cidade que mais possui buscas para esse tipo de experiência. Porém, ao contrário do que se pode imaginar, a cidade não tem os maiores índicies de crescimento. Em fevereiro e marços as buscas ficaram na casa das 2.380 buscas, enquanto abril e maio o volume subiu para 2.880 (um crescimento de +21%).

Da mesma forma, outras duas grandes cidades, Rio de Janeiro e Belo Horizonte também tiveram aumento nas buscas, com crescimento de +34% e +29%, respectivamente.

A maior surpresa veio de cidades um pouco menores. Notavelmente, no Sul e Centro-Oeste, as pesquisas por sexo por telefone mostraram um aumento significativo na comparação de abril e maio a fevereiro e março. Porto Alegre, que começou em março as medidas de redução de circulação e uma comunicação bastante efetiva e transparente da situação, é a cidade que mais viu aumento, com +50%. Curitiba +40% (terceira cidade com mais buscas), Brasília +40% e Goiânia +14%.

Norte e Nordeste têm crescimento nas buscas

Embora as maiores tendências tenham sido observadas no Sul e Centro-Oeste, também houve crescimento no Norte e Nordeste. Nessas regiões também foi vista um aumento considerável de buscas entre abril e maio comparado com fevereiro e março.

Salvador, que teve o isolamento social realizado por etapas e por região registrou um expressivo aumento de +47% – sendo a segunda cidade com mais buscas. Já Natal, por outro lado, que apresentou taxas baixas de adesão ao isolamento, teve ainda mais representativo crescimento, com +40%. Enquanto Recife teve aumento de volume de +23%, Fortaleza de +39% e São Luis de +30%.

Belém e Manaus também apresentaram uma alta no volume de busca. A capital paraense cresceu +22% enquanto a capital amazonense viu um aumento de +26% no período.

Perfil das buscas sobre sexo por telefone

Embora o aumento das pesquisas on-line por sexo por telefone pareça que muitos brasileiro estão buscando conversas eróticas, dados também mostram que muitas pessoas ainda não estão totalmente seguras ou à vontade para a experiência.

Além de analisar as tendências de busca relativas a sexo por telefone, o Vivalocal também analisou os tipos de perguntas mais realizadas no site de busca com relação a esse tema. São elas:

  • Fazer sexo pelo whatsapp?
  • Como fazer sexo por telefone?

Esses dados mostrar quem muitos brasileiros ainda de ajuda ou orientação na hora sobre como vivenciar o sexo por telefone.

A vida sexual do brasileiro

Os número de buscas por sexo ao telefone reforçam as descobertas sobre a satisfação sexual do brasileiro, feitas pelo Projeto Sexualidade do Hospital das Clínicas, de São Paulo, realizada com patrocínio dos laboratórios Pfizer.

O estudo mostra que a média nacional de relações sexuais é de três vezes por semana. Além disso, entre os 3.000 entrevistados pela pesquisa, 60% das mulheres e 68% dos homens consideram que a sua qualidade sexual é muito boa ou ótima.

Além de indicar a alta importância da satisfação sexual para o brasileiro, a pesquisa revela que o comportamento nacional tende a ser de buscar por experiência sexuais várias vezes por semana. No caso de um período no qual o distanciamento social se faz presente, o sexo por telefone por ser uma alternativa para busca dessa satisfação.

Smartphone usado para fazer sexo por telefone

A importância da satisfação sexual

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a sexualidade é um aspecto central do ser humano, que compreende o sexo, identidade e gêneros, orientação e opção sexual, erotismo, prazer, intimidade e reprodução.

Considerando as categorias erotismo, prazer e intimidade, cada indivíduo tem uma forma de reagir e interagir com os estímulos eróticos. Dessa forma, a satisfação sexual e seus benefícios não necessariamente se dão apenas com o sexo convencional, mas pode ser obtida de diversas formas – incluindo sexo à distância, seja ele por telefone ou virtual.

A satisfação sexual tem o poder de impulsionar o humor, reduzir estresse e ansiedade – elementos bastante presentes durante o período de incertezas e medos -, além de liberar dopamina e endorfina durante a prática que ajudam a criar a sensação de prazer e bem-estar.

Dicas para fazer sexo por telefone

Se você está fazendo auto isolamento ou seguindo as diretrizes da sua cidade ou estado para o distanciamento social e não consegue encontrar seu parceiro, aqui estão algumas dicas para desfrutar de um sexo gostoso por telefone.

Uma das dicas mais importantes para fazer um bom sexo por telefone é relaxar e aproveitar o momento, sem pensar em preconceitos ou vergonhas de falar as coisas. Se você não se sentir à vontade é pouco provável que você realmente goste da experiência.

Misturar suspense e emoção também pode ajudar a criar um clima excitante para que a conversa se desenrole mais suave e agradável para os dois. Falar sobre o cotidiano, como trabalho e outras questões, alternando com possíveis fantasias ou desejos que surgiram ao longo do dia podem dar um tom picante para a conversa.

Mulher fazendo sexo por telefone

Outra recomendação essencial é: escute o parceiro. Focar no parceiro, no que ele fala e nas suas reações – até mesmo respirações – vai ajudar você a ditar o ritmo e o rumo da conversa.

Para aqueles casais que estão juntos há um tempo, traga histórias e momentos do passado, relembre posições sexuais, locais onde fizeram sexo, o que deu prazer um a outro – isso vai aguçar ainda mais o tesão.

Procure fazer o sexo por telefone em um local tranquilo e silencioso, concentrando-se 100% na outra pessoa do outro lado da linha. Conecte-se com ela e não deixe o mundo à sua volta tirar sua atenção.

Brinquedos sexuais também são uma excelente ferramenta na hora de criar uma atmosfera sexual mais interessante. Descreva cada detalhe do que você está usando – um vibrador, por exemplo. Fale como seu corpo está se comportando durante a masturbação e revele cada sensação gerada pelos toques ou vibrações.

Criando um ambiente sensual para a ligação

Criar cenários, incluir uma música ao fundo ou ter um barulho de água/chuveiro ao fundo. Tudo isso pode ser utilizado para excitar e estimular quem está do outro lado do telefone.

A imaginação para o sexo por telefone não deve ficar limitada necessariamente ao que acontece na vida real. Se você quiser criar um conto erótico, por exemplo, envolvendo seu parceiro, será sem dúvida uma forma de apimentar o papo entre você e levá-los ao prazer – com ou sem orgasmo.

O sexo por telefone pode por muitas vezes não ter como principal objetivo o orgasmo, como muitos podem pensar. Essa pode ser uma oportunidade para descobrir novas áreas de prazer do seu corpo, novas técnicas de masturbação e, é claro, aumentar a intimidade entre os casais para ajudá-los quando estiverem juntos.

Praticar sexo por telefone irá permitir que você mantenha a intimidade com o parceiro mesmo à distância, além de trazer benefícios para sua satisfação sexual. É importante realizar com segurança e consentimento para que essa conversa erótica seja realmente uma experiência agradável para você e a outra pessoa.

One thought on “Sexo por telefone: os hábitos de conversas eróticas no Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts

Begin typing your search term above and press enter to search. Press ESC to cancel.

Back To Top